Prestador de serviços MEI: 7 vantagens desse enquadramento

Compartilhe nas redes!

Prestador de serviços MEI: saiba as vantagens do enquadramento 

Descubra os benefícios de atuar como prestador de serviços MEI.

Afinal, vale a pena atuar como prestador de serviços MEI?

No cenário empreendedor do Brasil, o Microempreendedor Individual (MEI) é uma figura de destaque quando se trata de formalização e regularização de pequenos negócios. 

Especialmente para prestadores de serviços, esse enquadramento oferece uma série de vantagens e benefícios que facilitam o ingresso e o desenvolvimento no mundo empreendedor.

Para se enquadrar como MEI, é necessário cumprir alguns requisitos específicos, como um limite máximo de faturamento anual, atividades permitidas e a possibilidade de ter apenas um empregado. 

Essa modalidade oferece uma alternativa simples e ágil para a legalização de empreendimentos, reduzindo a burocracia e os custos iniciais.

Isso torna essa opção particularmente interessante para prestadores de serviços, que, muitas vezes, iniciam suas atividades com recursos limitados.

Neste artigo, iremos explorar em detalhes como um prestador de serviços pode se encaixar nessa categoria e, principalmente, as diversas vantagens que tornam essa escolha uma opção inteligente e atrativa para empreendedores.

Se você é um prestador de serviços e está buscando informações valiosas para tomar uma decisão informada sobre o enquadramento do seu negócio, continue lendo e descubra as vantagens que o MEI pode proporcionar a você!

Quem pode atuar como prestador de serviços MEI?

O Microempreendedor Individual (MEI) é uma categoria jurídica criada para regularizar pequenos negócios.

Para se enquadrar como MEI, é necessário atender a alguns requisitos, como:

  • Faturamento anual

O faturamento do negócio não pode ultrapassar o limite de R$ 81.000,00 por ano. Caso o empreendedor ultrapasse esse valor, ele deverá migrar para outra categoria tributária.

  • Atividades permitidas

Algumas atividades são vedadas ao MEI, como prestação de serviços financeiros, consultoria, entre outras. 

É importante verificar a lista completa disponibilizada pelo governo.

  • Possuir apenas um empregado

Além do titular, o MEI pode ter um empregado registrado, desde que ele receba um salário mínimo ou o piso da categoria.

Vantagens do prestador de serviços MEI

Ao optar pelo enquadramento como MEI, o prestador de serviços tem acesso a uma série de vantagens:

1. Processo de formalização simples e barato:

A abertura do MEI é um processo simples e pode ser feito online, por meio do Portal do Empreendedor. 

Além disso, a formalização tem custo baixo, reduzindo significativamente os investimentos iniciais do negócio. 

A facilidade de formalização é um estímulo para que empreendedores informais regularizem suas atividades.

2. Emissão de notas fiscais: 

O MEI tem a possibilidade de emitir notas fiscais, o que facilita a participação em licitações e a conquista de novos clientes, especialmente no setor público e com empresas maiores. 

A emissão de nota fiscal traz mais profissionalismo ao negócio, transmitindo segurança aos clientes e parceiros comerciais.

3. Baixa carga tributária: 

O MEI é beneficiado com uma carga tributária reduzida e simplificada. O empreendedor paga um valor fixo mensal, que engloba os impostos devidos, como INSS, ICMS e ISS, dependendo da atividade. 

Essa simplificação tributária é uma grande vantagem, pois elimina a necessidade de lidar com diversas guias e obrigações fiscais complexas.

4. Direitos previdenciários: 

Ao se tornar MEI, o prestador de serviço contribui para a Previdência Social e tem acesso aos benefícios previdenciários, como aposentadoria, auxílio-doença e salário-maternidade. 

Isso proporciona maior segurança e proteção ao empreendedor em casos de necessidade de afastamento ou licenças.

5. Facilidade de acesso a crédito: 

Isso facilita o crescimento e a expansão do negócio. 

Com o registro formal e histórico de contribuições, as instituições financeiras tendem a considerar o MEI menos arriscado, facilitando a obtenção de recursos para investimentos.

6. Proteção empresarial: 

Ao ser formalizado como MEI, o empreendedor tem sua atividade regularizada e, assim, não corre o risco de sofrer autuações e multas por exercer atividade ilegalmente. 

Além disso, em caso de dívidas do negócio, o patrimônio pessoal do empreendedor é protegido, evitando que ele responda com bens próprios.

7. Simples declaração de imposto de renda: 

O MEI possui uma declaração de imposto de renda simplificada, o que torna a gestão fiscal mais fácil e menos burocrática. 

Desse modo, o preenchimento é feito de forma mais rápida e com menos exigências, economizando tempo e recursos.

Conte com especialistas para cuidar do seu MEI! 

Escolher atuar como prestador de serviços MEI pode ser o primeiro passo para o sucesso e a prosperidade do seu negócio de prestação de serviços.

Porém, não se deve deixar de cuidar nunca do seu MEI, assim você evita problemas e o desenquadramento. 

E para facilitar isso, conte com especialistas no assunto. 

Conte com a Barão Assessoria Contábil!

Vamos te instruir da melhor maneira para aproveitar as vantagens do registro. 

Fale com o nosso time agora mesmo! 

Clique aqui para falar com os nossos especialistas!

5/5 - (1 vote)

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

Veja também

Posts Relacionados

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
Regime tributário para prestadores de serviços: saiba as opções e…
Podemos te ajudar? 💙